Notícias Notícia escolhida: 26292706 (ID)
EAJ promove Workshop sobre Agrocomputação

EAJ-UFRN

Com uma sala lotada por estudantes dos cursos de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (TADS) e de Agronomia, a Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ) promoveu o I Workshop sobre Agrocomputação. Com o tema "Internet das coisas e suas aplicações na indústria 4.0", o objetivo do evento foi estimular a integração entre as duas áreas. O evento realizado nesta quinta-feira (3), discutiu os temas “Smart Farm: um projeto de cooperação entre UFRJ, IFRJ e UAB”, palestra ministrada pelo professor Claudio Miceli Farias (UFRJ) e “Fertirrigação de precisão em cultivo protegido: sensoriamento e controle”, apresentado pelo professor Josenalde Barbosa de Oliveira (UFRN).


 


O coordenador do TADS, Taniro Chacon, disse que ações como essa têm sido realizadas para que haja mais interação entre as duas áreas, a fim de encontrar soluções de computação para problemas das ciências agrárias, que é o objetivo do TADS na EAJ. “Apesar de parecerem áreas distantes, estamos vivendo um novo momento, chamado de indústria 4.0, onde todos os dispositivos estão conectados à internet e nós temos esse impacto também nas Ciências Agrárias. Então existe um potencial enorme de aplicação pelos estudantes, para eles criarem suas patentes, criarem suas empresas”, avaliou.


 


O professor Severino Paulo Gomes Neto, que integra a equipe de organização ressaltou, por sua vez, que a oportunidade de realização do evento foi criada a partir de outras diferentes situações dentro da Escola: a seleção de professores que está sendo realizada  e o retorno do professor Josenalde Barbosa de Oliveira, com novas informações obtidas no seu pós-doutorado.


 


“Um dos membros da banca do concurso, possui um conhecimento em Internet das Coisas que nós vimos que era possível associar ao desenvolvimento de tecnologias para a indústria 4.0 - que é justamente onde entram as fazendas automatizadas - e nós percebemos que era uma boa oportunidade para o evento. Além disso, tinha o professor Josenalde, que está voltando do seu pós-doutorado em Portugal com uma participação muito positiva, e veio falar também sobre essa experiência adquirida lá”, finalizou.


 


 


Temas discutidos:


Smart Farm: Um projeto de cooperação entre UFRJ, IFRJ e UAB.


Palestrante: Prof. Dr. Claudio Miceli Farias (UFRJ)


Descrição: Campo de pesquisa sobre o uso das Tecnologias de Informação e Comunica (TIC) como provedores de soluções para os desafios ambientais e o projeto de ambientes inteligentes. Estufas são exemplos de ambientes inteligentes que trazem agricultura familiar para ambientes urbanos. Uma forma de melhorar as operações de estufas é a aplicação de mecanismos de controle e decisão sobre dispositivos da estufa de forma a automatizar o seu funcionamento. Estes mecanismos podem ser controlados por nós de uma rede de sensores e atuadores sem fio (RSSF).


 


Fertirrigação de precisão em cultivo protegido: sensoriamento e controle


Palestrante: Prof. Dr. Josenalde Barbosa de Oliveira (UFRN)


 


Descrição: A sustentabilidade e a competitividade da agricultura europeia estão intrinsecamente relacionadas com o uso eficiente de água, de fertilizantes e de produtos fitofarmacêuticos, para otimizar as necessidades das plantas e minimizar os impactos ambientais. O esforço conjunto de minimizar as águas residuais e otimizar o uso de fertilizantes à base de nitrogênio e fósforo e Fitofarmacêuticos está alinhado às chamadas Boas Práticas Agrícolas no contexto da economia circular.

(08/05/2018 às 13:10)